A Associação "Trilhos d'Esplendor" com sede na Praia de Quiaios, Figueira da Foz, pretende fazer em caminhadas guiadas uma descrição fotográfica da Flora da Serra da Boa Viagem e das Dunas de Mira, Gândara e Gafanhas. Também mostramos o uso fito-terapêutico desta Flora cujo valor na medicina tradicional é bem conhecido na população local. São todos convidados para descobrir a beleza florística desta terra. Visitem uma das regiões mais importantes de biodiversidade de Portugal!

Download of PDFs (2 Volumes - Eds. 2014):

"Polunin - Flowers of South-West Europe - revisited" (Vol. I - Introdução - 371 pp.) (->Download)

"Polunin - Flowers of South-West Europe - revisited" (Vol. II - Portugal - 1559 pp.) (-> Download)

(contains Web links to Flora-On for observed plant species, Web links to high resolution Google satellite-maps (JPG) of plant-hunting regions from the Iberian peninsula; illustrated text in Portuguese language)


Pesquisar neste blogue

Flora da Serra da Boa Viagem - Folha de Cálculo - > 500 Taxa - > 5000 Fotografias, Scans e Chaves

Polunin - Flowers of South-West Europe - revisited - última compilação

Polunin - Flowers of South-West Europe - revisited (Volume I - Portugal) Download PDFs (>300MB)

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Quercus coccifera

Quercus coccifera

O carrasco (Quercus coccifera) é um arbusto de folha persistente e verde o ano inteiro. Atinge, no máximo, 2 metros de altura, ainda que, muitas vezes, possam se transformar em uma pequena árvore de 4 ou 5 metros. Pode se ramificar abundantemente desde a base, de forma que as ramas, de súber liso, se entrelaçam freqüentemente, tornando-o impenetrável.

As flores masculinas são muito pequenas, pouco aparentes, com um envoltório acopado dividida em 4, 5 ou 6 gomos e um número variável de androceus (4 a 10); agrupam-se em espigas curtas, de cor amarelada, delgadas, que se penduram em grupos. As femininas nascem na mesma planta, solitárias ou agrupadas com duas ou três. O fruto é uma bolota, de só uma semente, separável em duas metades (cotiledôenas) longitudinalmente.


O carrasco é uma planta típica do matagal mediterrânico. Na orla litoral o carrasco atinge quase o seu limite norte de distribuição na Serra da Boaviagem. Dentro dos habitats indicados no Plano Sectorial 2000 para as Dunas da Gandara, Mira e Gafanhas, são os habitats 5230 e 5330 onde se encontra predominantemente o carrasco (Quercus coccifera).





Distribuição de Quercus coccifera em Portugal  (Flora Digital de Portugal)





...extraído da
Flora Iberica:





1 Quercis coccifera; 2 Quercus ilex; 3 Quercus suber; 4 Quercus cerris



Algumas fotografias de Quercus coccifera tiradas na Praia de Quiaios:








1 comentário:

Francisco disse...

Eu estou interessado em introduzir o carrasco no Brasil. Você sabe como eu consequiria trazer as sementes para cá.

Abraço

Submitir informação sobre uma espécie de plantas

Seguidores